Fator | Performance Driven Marketing

Qual é um bom CTR para campanhas de Google Ads?

No que diz respeito às campanhas de anúncios do Google, todos os anunciantes procuram continuamente melhorar suas métricas. Seja o índice de qualidade ou a taxa de cliques (CTR), melhorar suas métricas é a maneira certa de melhorar os resultados gerais.

Mas como você pode saber se sua campanha está tendo um bom desempenho ou não, se você não tem uma média ou uma linha base para comparar? Um CTR de 10% pode parecer bom, mas se a média do mercado for 20%, obviamente você está abaixo… Sem saber o CTR médio para o seu segmento, você não tem como saber o desempenho de sua campanha e anúncios.

Então, qual é uma boa taxa de cliques para suas campanhas e anúncios do Google? Bom, estamos aqui para descobrir!

Usando várias médias históricas da taxa de cliques por segmento divulgadas por empresas no passado, é possível calcular uma média geral de CTR para o Google Ads. Com isso, você poderá compará-los com suas próprias estatísticas e determinar o desempenho de seus anúncios e campanhas.

Antes de pular para as estatísticas, vamos entender:  quais fatores afetam seu CTR em primeiro lugar?

Fatores de taxa de cliques (CTR)

Existem muitos fatores que afetam uma taxa de cliques de anúncios. Do título principal aos descritivos e extensões, se errar um deles o seu CTR acabará caindo bastante. Faça tudo certo, e você receberá um bom volume de leads quentes, ansiosos para comprar. Ao usar a rede de pesquisa padrão do Google, existem dois fatores principais do CTR para seus anúncios baseados em texto que exploraremos.

No entanto, se você estiver usando a Rede de Display do Google, as coisas começarão a ficar muito mais complicadas. Não apenas existem mais fatores que podem afetar seu CTR, como também o problema de onde seu anúncio é exibido. Como você descobrirá mais adiante, o posicionamento e o site em que seu anúncio é exibido podem ter um impacto significativo no seu CTR. Mas primeiro, quais são os principais fatores da taxa de cliques?

A chamada principal

Quando se trata de anúncios na rede de pesquisa do Google, a chamada principal é um dos aspectos mais importantes. Geralmente, é a primeira coisa que muitos usuários veem e atuam como uma maneira de atrair usuários a ler o conteúdo na descrição.

O título principal tem 60 caracteres e é dividido em 2 seções separadas por um traço. Como essa é a primeira coisa que muitos usuários leem, o título precisa se destacar e ir direto ao ponto. Ter um título tedioso geralmente pode ter um enorme impacto na sua taxa de cliques, pois muitas pessoas o leem e pulam para o próximo anúncio. Apenas mudar seu título para algo interessante e atraente pode resultar em um aumento expressivo do CTR.

Texto de apoio

Logo abaixo do título principal do anuncio está o texto de apoio, também conhecido simplesmente como descrição. Nesta seção, os anunciantes têm apenas 90 caracteres para convencer os usuários a clicar no anúncio. A descrição geralmente segue o tema principal do anúncio e expande os vários benefícios e apelos à ação.

Ao escrever a seção de descrição, é importante entrar em detalhes sobre o produto / serviço que você está promovendo e por que as pessoas devem comprar de você. Só falar da sua empresa, em geral, não fará alguém clicar no anúncio. Em vez disso, você precisa fornecer a eles razões sólidas sobre o motivo de escolherem você e seu serviço.

Posição do anúncio

Um fator CTR frequentemente ignorado nos anúncios do Google é a posição de um anúncio na página de resultados. Obviamente, é impossível ajustar o anúncio de todos na página 1 do Google, e é por isso que o Google emprega um sistema de leilão para determinar quem é exibido acima do resto.

Como você já deve ter adivinhado, quem ocupa o primeiro lugar geralmente obtém a maior taxa de cliques de longe. Há uma razão pela qual as pessoas pagam mais dinheiro para estar no topo dos resultados!

Assim como o melhor resultado na pesquisa do Google, o primeiro anúncio geralmente é a primeira coisa que muitas pessoas veem depois de digitar uma palavra-chave. Portanto, você pode esperar um CTR muito maior quando for o primeiro resultado, em vez de estar na metade da página.

O criativo do anúncio

Se você estiver usando a rede de display do Google que exibe seus anúncios em sites de terceiros, seu anúncio usará um formato diferente em comparação aos anúncios comuns do Google. Os anúncios da rede de display utilizam um formato de imagem conhecido como “criativo” (banner). É esse criativo que é exibido em sites de terceiros e atrai a atenção dos usuários.

Diferentemente dos anúncios de pesquisa orgânica do Google, a principal diferença é que esses criativos são como outdoors virtuais. Isso significa que o Google oferece ao anunciante muito mais controle sobre seus anúncios e como eles são exibidos ao usuário. O anunciante pode escolher sua própria fonte, esquema de cores e quanto ou pouco texto será exibido.

A capacidade de ter controle completo sobre seu anúncio pode parecer uma coisa boa, mas para novos anunciantes, muitas vezes pode ser assustador. Com tantas opções sobre a aparência do anúncio, eles podem cometer erros de novatos que diminuem drasticamente o CTR.

Agora que você conhece os diferentes fatores que podem afetar sua taxa de cliques, qual é a taxa média de cliques que você deveria estar buscando? Para descobrir isso, precisamos analisar setores específicos para gerar uma média.

O que é uma boa taxa de cliques nos anúncios do Google?

Atualmente, a taxa média de cliques para anúncios da Rede de Pesquisa no Google é de 1,91%. Enquanto a taxa média de cliques na rede de display do Google é de 0,35%.

Essas estatísticas extraídas do WordStream mostram as taxas médias de cliques do setor e devem dar uma idéia de quão bem você está. Embora essas estatísticas não sejam oficialmente do Google, o WordStream rastreia milhares de campanhas de seus clientes e as usa para criar estatísticas interessantes. Essas são as estatísticas mais próximas das porcentagens reais do Google.

Antes de analisarmos as estatísticas, um aspecto importante a ser observado é a enorme diferença nas taxas de cliques dos anúncios da Rede de Pesquisa e da Rede de Display. Para cada setor, as taxas de cliques nos anúncios de pesquisa do Google são sempre muito mais altas que as exibidas. Isso se deve principalmente à qualidade dos usuários que visualizam os anúncios. Nos anúncios de pesquisa do Google, os anúncios são exibidos apenas em pesquisas de palavras-chave relativas. Enquanto está na rede de display, o Google tenta exibir seus anúncios em sites relevantes, mas nem sempre é o que está certo.

Isso significa que você pode receber milhares de impressões em seus anúncios, mas quase nenhum clique. A longo prazo, isso reduz bastante a taxa geral de cliques, que é o principal motivo pelo qual os anúncios gráficos nunca apresentam um desempenho tão bom.

SEGMENTO CTR MÉDIO (pesquisa) CTR MÉDIO (display)
Advocacia 4,41% 0,59%
Automotivo 4,00% 0,60%
B2B 2,41% 0,46%
Serviços ao consumidor 2,41% 0,51%
Namoro e relacionamento 6,05% 0,72%
Comércio eletrônico 2,69% 0,51%
Educação 3,78% 0,53 %
Serviços de emprego 2,42% 0,59%
Finanças e seguros 2,91% 0,52%
Saúde e medicina 3,27% 0,59%
Artigos para casa 2,44% 0,49%
Serviços industriais 2,61% 0,50%
Jurídico 2,93% 0,59%
Imóveis 3,71% 1,08%
Tecnologia 2,09% 0,39%
Viagens & Hospitalidade 4,68% 0,47%

 

Como você pode ver pelas médias acima, a taxa média de cliques no setor pode variar de 2,09% a 6,05%.

Se sua taxa de cliques estiver atualmente entre esses números, é provável que você esteja indo bem. Se eles forem mais baixos, seus anúncios poderão precisar de alguns ajustes para gerar mais cliques. Se eles são mais altos, então parabéns! 

No entanto, lembre-se de que a CTR pode mudar a qualquer momento e deve ser monitorado consistentemente. Só porque você tem um CTR alto ou acima da média agora, não significa que permanecerá assim para sempre.

Fique de olho neles e mexa no minuto em que começar a notar uma queda considerável. Ao ficar um passo à frente do jogo, você poderá manter uma alta taxa de cliques pelo maior tempo possível.

 

Fator Digital

Somos uma agência de performance digital com cultura data-driven, moldada em 3 pilares: Design, Performance e Simplicidade.

Nos diferenciamos no mercado ao não fomentar o modelo tradicional de agência, que se propõe a ser apenas inquieto ou disruptivo. Nossa proposta consiste em ajudar empresas a terem sucesso no meio online através de ações eficientes de marketing digital.

Acreditamos na entrega de soluções, e não de serviços. Vendemos valor, e não tempo. Por isso pensamos as estratégias com foco em resultados que possam ser quantificados e qualificados.

Gostamos de dados, de como as coisas se conectam, mesmo quando parecem tão distantes. Aliás, acreditamos apenas em dados. O resto é achismo. E não trabalhamos com achismo na Fator.

RECEBA NOSSAS NOVIDADES EM PRIMEIRA MÃO!

Preencha seu nome e e-mail abaixo e enviaremos automaticamente as novidades do blog da Fator para você.