Fator | Performance Driven Marketing

9 dicas para promover negócios locais no Google Ads

O cenário de marketing evoluiu drasticamente nos últimos tempos e o Google Ads é uma das principais plataformas envolvidas nessa mudança. Caso você não saiba, o Google Ads é um dos meios mais eficazes de publicidade online paga.

Milhares de pequenas, médias e grandes empresas utilizam esse canal de publicidade para comercializar seus produtos e serviços. Não é surpresa que todas essas empresas compartilham uma vontade: explorar as centenas de milhões de pessoas que vasculham a web em busca de informações, produtos e serviços.

De acordo com uma pesquisa com consumidores, “85% dos consumidores usam a Internet para encontrar uma empresa local”. A mesma pesquisa também descobriu que “72% dos consumidores preferem encontrar informações sobre os comerciantes locais por meio de pesquisa”.

O Google Ads, quando usado corretamente, pode enviar uma avalanche de consumidores para sua empresa local, o que pode dobrar ou até triplicar suas vendas. Portanto, se você não está usando o Google Ads ou não está aproveitando todo o seu potencial, é necessário começar a analisá-lo.

É certo que os detalhes, como o algoritmo por trás do complicado sistema de leilão, podem ser difíceis de entender – mas se você é proprietário de uma empresa local com orçamento limitado e deseja direcionar clientes para sua loja ou tráfego para seu site, aqui estão algumas das maneiras comprovadas de vencer em qualquer campanha de CPC e se tornar um anunciante de sucesso do Ads.

Tela de computador com Google aberto.
Como anunciar pequenos negócios no Google Ads

Mas por que utilizar o Google Ads?

É bem simples, na verdade: os números não mentem.

O Google controla aproximadamente 92% do mercado de pesquisas na Internet. Esses dados por si só já respondem à pergunta, mas não vamos parar apenas na pesquisa. Abaixo estão algumas outras estatísticas sobre a Rede de Display do Google:

  • Estudos mostram que “os consumidores expostos a anúncios gráficos têm, em média, cerca de 155% a mais de possibilidade de pesquisar uma marca e termos específicos do segmento”.
  • As campanhas da Rede de Display do Google alcançam 80% dos usuários da Internet em todo o mundo.

Tendo em mente estas informações, vamos conhecer 9 dicas para promover negócios locais no Google Ads.

Configure o seu Google Meu Negócio

O Google Meu Negócio permite que os pesquisadores da web encontrem facilmente informações sobre sua empresa local em pesquisas e mapas. O bom é que o GMB é gratuito, é super fácil de gerenciar e oferece o controle para apresentar seu negócio local da melhor maneira possível.

Aqui está um exemplo de um cliente da Fator que claramente mantém sua conta da página do Google Meu Negócio atualizada, com endereço, informações de contato, seu site e outras informações complementares.

Google Meu Negócio organizado. Produtos, categorias, localização, fotos e pontos de contato.

Utilize anúncios de chamadas

Mesmo que o Google Ads possa ou não estar entre suas táticas de publicidade, a oportunidade de gerar mais leads por meio da pesquisa paga é enorme para as empresas locais.

Por exemplo, suponha que você esteja precisando reformar sua casa, então você visita o Google e digita “reforma residencial”, então você verá vários anúncios relacionados à sua pesquisa. Agora, se sua loja não aparecer, você acaba de perder um cliente em potencial. Basicamente, se você está anunciando ou planejando começar, um bom lugar para começar é com um anúncio de chamada.

As chamadas telefônicas são obviamente uma grande parte do negócio para empresas locais, não importa se você lida com roupas e um cliente em potencial liga para saber o horário da loja ou para saber se você tem o tamanho e o estilo que ele procura, ou se você opera um restaurante e os clientes ligam para fazer reservas.

A campanha só para chamadas foi projetada para ser exibida apenas em dispositivos móveis com o único objetivo de gerar mais ligações para sua empresa. Mas por que eles realmente funcionam? O motivo é simples: as campanhas somente para chamadas eliminam a parte mais vazada do funil de conversão, que é mais frequente nas pesquisas em que você precisa visitar uma página de destino para preencher um formulário ou acessar um número de telefone.

Felizmente, com apenas chamadas, os usuários do mecanismo de pesquisa podem apenas pesquisar e ligar, sem nenhuma barreira entre as páginas de destino. Estima-se que chamadas telefônicas para uma empresa local valham pelo menos 3 vezes mais do que cliques para sites – o que torna esse um meio muito forte de alcançar clientes em potencial que você pode perder de outra forma.

Aparentemente, ainda existem aqueles usuários de desktop que irão ao seu site para obter informações. Isso significa que as ligações também serão críticas nas conversões de suas campanhas do Ads que ocorrem por meio de visitas à página de destino. No entanto, o problema com isso é que eles podem ser bastante desafiadores para rastrear – o ROI de suas campanhas é representado incorretamente, tornando difícil avaliar a eficácia de seus gastos com anúncios.

Utilize extensões de chamada e localização

Quando o principal lugar onde as conversões acontecem é na sua vitrine, o objetivo principal de suas campanhas do Ads deve ser direcionar o tráfego para sua loja. Juntamente com as informações de chamada, listar seu endereço é mais do que importante.

Você deseja aproveitar todas as extensões de anúncio relevantes do Google Ads não apenas para expandir sua presença de anúncio nas páginas de resultados do mecanismo de pesquisa (SERPs), mas também para motivar seus leads a visitarem, já que eles têm seu número de telefone e localização ao alcance de seus dedos.

No entanto, além das extensões de anúncio, também sugerimos aproveitar as vantagens de incluir extensões de frase de destaque e sitelink para destacar descontos e ofertas especiais que acontecem em sua loja – e também vincular a outras páginas vitais em seu site, como sobre nós e entre em contato.

Para incluir extensões de local, você precisará vincular sua conta do Google Meu Negócio à conta do Google Ads rapidamente, se ainda não tiver feito isso (será solicitado que você faça isso ao tentar adicionar a extensão).

Faça um bom trabalho na segmentação de locais

Esta estratégia pode parecer senso comum, mas você ficará surpreso com o número de contas que vi recentemente que estão alvejando uma área que é muito grande ou muito pequena. Se você opera uma empresa física, precisa de um meio-termo, simplesmente porque os clientes provavelmente não irão atravessar o estado apenas para conhecer a sua loja.

Felizmente, há muitas maneiras de segmentar sua empresa e, se você administrar várias segmentações, suas campanhas podem ser duplicadas, você pode fazer alterações específicas de local para palavras-chave e textos de anúncios e segmentar separadamente diferentes locais.

Além disso, reserve um tempo para pensar no tráfego que chega à sua loja e na concorrência na área. Por exemplo, se você está em uma cidade central dentro de uma área rural, faz sentido anunciar para as cidades menores que estão nos arredores.

Dentro do Ads, escolha cada campanha, navegue até a guia “Configurações” e, em seguida, “Locais”. Na guia de locais, você pode segmentar por região, cidade ou CEP, ou até mesmo segmentar um raio específico em volta de uma coordenada.

Utilize as palavras-chave negativas

Isso é muito importante para uma empresa local. Você deve entender que seus orçamentos de publicidade são muito apertados. Portanto, você não quer gastar dinheiro no Google Ads para um visitante que, por meio de sua pesquisa por palavra-chave, já mostrou que, na verdade, não está interessado em se tornar um cliente pagante.

Por exemplo, uma pessoa que pesquisa “vagas empresa de TI” não está procurando uma empresa para contratar um serviço de TI. Em vez disso, ela quer um emprego. Lamentavelmente, se você personalizou sua campanha do Ads para atrair pesquisas de “empresa de TI”, seu anúncio sempre será exibido para uma pesquisa de “vagas empresa de TI” e, se a pessoa que procura o emprego acabar clicando em seu anúncio, então você está pagando por aquele clique, o que não é uma situação ideal.

Da mesma forma, quem faz uma busca no Google por “download de antivírus gratuito” não tem a intenção de gastar dinheiro. E uma pessoa que pesquisa “avaliações oficina especializada veículo modelo X” ou “dicas de conserto de celular” está no estágio de pesquisa e não no estágio de compra.

Portanto, ao configurar sua primeira campanha do Google Ads, da mesma forma que é importante configurar suas palavras-chave (por exemplo, “conserto de automóveis Chevrolet” ou “consertar carro”), também é vital configurar sua lista de palavras-chave negativas.

Por exemplo, palavras como “emprego”, “grátis” ou “faça você mesmo” são frases excelentes para adicionar a uma lista de palavras-chave negativas. Seguem outros exemplos de palavras-chave negativas que serão um ótimo começo para a maioria das empresas locais: torrent, barato, barbada, YouTube, contratando, empregadores, emprego, ocupação, carreira, trabalhos, aprender, treinamento, review, avaliação, opinião, como fazer.

Utilize landing pages

Infelizmente, a maioria dos anúncios de empresas locais do Ads costumam apontar para a página inicial do site e isso é tudo. Embora isso possa ser bom se você tiver muito conteúdo incrível e envolvente em sua página inicial, bem como chamadas para ação (CTA) claras, muitas vezes as páginas iniciais têm conteúdo fraco ou fornecem informações super genéricas sobre todos os produtos e serviços oferecidos pela organização.

Especificamente, uma página de destino dedicada pode ter um efeito dramático em dois elementos críticos de sua campanha publicitária: Taxa de conversão e Índice de Qualidade. O Índice de Qualidade de seu anúncio é influenciado por vários fatores, sendo a qualidade da página de destino um fator central.

Por exemplo, se você tem um anúncio direcionado a “construtores de decks” e é direcionado para a página inicial do site da sua empresa, provavelmente você não está correspondendo à relevância do anúncio corretamente com sua página de destino e, portanto, seu Índice de qualidade será prejudicado. E faz sentido! Se um usuário estiver procurando por alguém que construirá um deck para ele e ele cair em sua página inicial, ele ainda precisará procurar em seu site as informações relacionadas ao deck que está procurando – e você pode eventualmente perdê-lo no processo.

Por isso, é melhor ter uma chamada para ação (CTA) conveniente e clara para esse usuário na página de destino, de modo que imediatamente ele descubra as informações que procura e esteja pronto para se envolver com seu negócio, não sendo necessário começar a pesquisar seu número de telefone ou formulário de contato dentro do seu site.

Foque nas conversões

Não se preocupe com os cliques. Você simplesmente desperdiçará seu orçamento de publicidade e tornará o gerenciamento de CPC mais difícil. Essencialmente, todas as campanhas locais eficazes do Ads devem ser totalmente focadas em conversões (também conhecido como custo por conversão. Não confunda com custo por clique, “CPC”).

Para muitas empresas locais, uma conversão seria definida como um telefonema, reserva de compromisso ou preenchimento de formulário de contato. Quando você tem os dados de conversão em mente, pode descobrir que duas das palavras-chave que você está segmentando geram um igual número de cliques e custando a mesma quantia em reais – mas um deles está convertendo muito, enquanto o segundo está apenas gastando dinheiro, sem gerar leads.

Com um insight útil como este, você pode certamente retirar a palavra-chave de conversão insatisfatória e, potencialmente, triplicar seus retornos, sem necessariamente aumentar seu investimento!

Aproveite as correspondências de palavra-chave

Já temos um texto no blog que fala sobre palavras-chave, mas aqui vai um breve resumo: o Google Ads funciona com várias maneiras de você dizer como o seu potencial cliente irá realizar a pesquisa dele. Com isso, existem 3 diferentes correspondências: ampla, frase e exata.

Na correspondência ampla você colocará, por exemplo, plano de saúde. Ele irá apresentar anúncios para pessoas que procurarem por planos de saúde e termos relacionados a isso, como convênio médico, por exemplo. Ela é útil para você descobrir novas palavras-chave e aprender como o consumidor procura por seus produtos, mas pode trazer muitas pesquisas irrelevantes e gastos desnecessários na sua estratégia.

Na correspondência de frase você colocará, por exemplo, “plano de saúde”. Ele irá apresentar anúncios que tenham estas palavras, preferencialmente na ordem inserida, e com palavras antes ou depois do que você escreveu, por exemplo melhores planos de saúde de Porto Alegre. Assim, você terá um maior controle das palavras que ativarão seus anúncios, mas não terá um universo tão grande de pesquisas para aparecer.

Na correspondência exata você tem certeza do que será pesquisado, por exemplo [plano de saúde Porto Alegre]. A sua pesquisa irá aparecer para plano de saúde Porto Alegre e algumas mínimas variações, como plano de saúde em Porto Alegre. Utilize esta estratégia se não pode gastar verba com termos menos assertivos, mas saiba que a sua palavra-chave aparecerá muito menos do que com as outras correspondências.

Faça uso de remarketing

O remarketing é sempre a melhor maneira de usar a Rede de Display para empresas locais, pois permite segmentar usuários de maneira econômica e com uma intenção muito clara. Duvido que você tenha algum motivo para não colocar em prática uma campanha de remarketing!

Normalmente, uma campanha de remarketing apresenta anúncios na Rede de Display para as pessoas que já visitaram seu website. Aqui estão as vantagens disso:

  1. A rede de display do Google Ads está em todo lugar. Globo, Gaúcha ZH, ClicRBS, UOL, Valor Econômico, etc. Perseguir amplamente os anúncios gráficos nessas redes pode ser muito caro (e pode falhar na conversão), no entanto, aparecer lá pode fazer com que seu negócio local tenha mais credibilidade.
  2. As pessoas que já visitaram seu site antes são talvez o melhor grupo que você poderia segmentar com anúncios gráficos. Elas já demonstraram interesse no seu negócio, então estão mais próximas da conversão.
  3. Seus anúncios sempre lembrarão os usuários sobre sua marca. Idealmente, se eles já tivessem dado uma olhada em você e nos sites de seu concorrente e, mais tarde, decidido a pensar sobre isso antes de tomar qualquer ação, seus anúncios de redirecionamento podem realmente fazer uma grande diferença!
  4. Em uma campanha de remarketing, aparecer nesses sites importantes é muito barato porque você está segmentando apenas um grupo um tanto pequeno de pessoas.

Conclusão

O remarketing é sempre a melhor maneira de usar a Rede de Display para empresas locais, pois permite segmentar usuários de maneira econômica e com uma intenção muito clara. Duvido que você tenha algum motivo para não colocar em prática uma campanha de remarketing!

 

Fator Digital

Somos uma agência de performance digital com cultura data-driven, moldada em 3 pilares: Design, Performance e Simplicidade.

Nos diferenciamos no mercado ao não fomentar o modelo tradicional de agência, que se propõe a ser apenas inquieto ou disruptivo. Nossa proposta consiste em ajudar empresas a terem sucesso no meio online através de ações eficientes de marketing digital.

Acreditamos na entrega de soluções, e não de serviços. Vendemos valor, e não tempo. Por isso pensamos as estratégias com foco em resultados que possam ser quantificados e qualificados.

Gostamos de dados, de como as coisas se conectam, mesmo quando parecem tão distantes. Aliás, acreditamos apenas em dados. O resto é achismo. E não trabalhamos com achismo na Fator.

RECEBA NOSSAS NOVIDADES EM PRIMEIRA MÃO!

Preencha seu nome e e-mail abaixo e enviaremos automaticamente as novidades do blog da Fator para você.