Fator | Performance Driven Marketing

Otimizando suas mídias sociais para a Black Friday

Otimizando suas mídias sociais para a Black Friday

É o momento certo para os profissionais de marketing que estão se preparando para a Black Friday darem uma olhada em suas estratégias de mídia social orgânica e paga. Faça um inventário do que deu certo no ano passado e atualize sua estratégia onde melhorias precisam ser feitas. Longe de ser uma segunda opção, a mídia social é um ótimo lugar para trazer a jornada do cliente à realidade. Conforme você se prepara para a Black Friday e a temporada de compras de fim de ano, procure maneiras de otimizar suas estratégias de marketing de mídia social orgânica e paga.

‌Aqui estão algumas das melhores práticas para ambos.

Publicações de mídia social orgânica

O objetivo das postagens de mídia social orgânica é parecer natural e ser natural. Envolver seus seguidores e encontrar novos é o objetivo, mas você deseja evitar postagens que pareçam mecânicas ou vendadas. Elas não vão atingir o objetivo. Lembre-se destas práticas recomendadas nesta Black Friday:

‌1. ESCREVA PARA UMA PESSOA ESPECÍFICA

Escreva para o seu perfil de comprador. Se você ainda não tem um, faça um. Conheça seu leitor ideal e enquadre sua postagem em torno das necessidades e interesses dessa pessoa.

‌Por que eles estão seguindo sua página? Quais são exatamente as coisas que os preocupam em suas vidas pessoais ou profissionais agora? Quais são os pontos problemáticos que você pode resolver? E a sua postagem pode tornar a vida deles melhor ou mais fácil aqui e agora? Amanhã?

‌Não escreva para um público, seguidores ou até mesmo para seus clientes. Não escreva para um grupo abstrato. Pense sobre a única pessoa na multidão para quem sua mensagem foi adaptada e, em seguida, escreva para ela.

‌Bônus: se você fizer bem sua pesquisa de mercado, essa pessoa será muitas pessoas.

‌2. CONSTRUIR RELACIONAMENTOS

As pessoas fazem negócios com aqueles de quem gostam e confiam. Pode muito bem ser que seu produto seja externamente semelhante a outros no mercado, mas isso não é o fim da história. As pessoas tomam decisões de compra com base em:

  • Utilitário: Qual problema o produto resolve para eles?
  • Relacionamento: Quem está vendendo o produto?

‌Muitas empresas se concentram muito no “o quê” e não o suficiente no “quem”. A mídia social está madura para desenvolver o relacionamento que pode existir entre uma empresa e sua base de clientes. É uma relação profissional, com certeza, mas é baseada em uma troca legítima. Embora possa não parecer do lado de fora, cada um de vocês está resolvendo o problema do outro.

‌Qual é a relevância para as compras da Black Friday? Postagens de mídia social orgânica serão sua oportunidade nesta temporada de férias para uma interação real com o cliente. Ouça o feedback que você recebe, comentando sempre o que for apropriado. Identifique as pessoas que interagem com mais frequência com suas postagens e envie um pouco mais de atenção para elas.

‌Não se trata apenas de seus clientes existentes. Os visitantes da sua página também verão a forma como a sua empresa interage com o público, o que pode influenciar fortemente as decisões de compra nas festas de fim de ano. Construir confiança e confiança é a essência das bases relacionais.

3. UTILIZE DIFERENTES PLATAFORMAS

Os sites de mídia social não são criados iguais. Por exemplo, o Facebook permite que você molde sua mensagem para as pessoas com base em coisas como interesses, status de relacionamento e outras qualidades de natureza mais pessoal. Isso é excelente para algumas empresas, mas outras são mais bem servidas em uma plataforma como o LinkedIn, voltada para um ambiente mais profissional e adaptada para parâmetros como tamanho da empresa, setor ou cargo.

‌Você não usaria a mesma voz para todos os públicos, então não use a mesma voz em todas as plataformas. O Facebook e o Instagram são, via de regra, plataformas mais casuais com culturas diferentes do que o LinkedIn. Uma postagem orgânica que funciona em um site pode não ser apropriada para o outro.

‌4. VALOR SOBRE PITCHES DE VENDAS

Só porque a pressão de venda de mercadorias diminuiu, não significa que a pressão diminuiu. Sua mídia social orgânica tem um propósito definitivo: Vender valor. Cada comunicação que você envia – até mesmo respostas a comentários de clientes – é uma mensagem persuasiva disfarçada, na qual o valor é o que está sendo vendido.

‌O que é valor? É qualquer coisa que convença seus clientes de que seu tempo é gasto de forma valiosa no envolvimento com sua marca. Mesmo quando eles não estão comprando algo, eles estão recebendo algo. Informações úteis, uma visão diária e educação na forma de relatórios, e-books ou PDFs são coisas que contribuem com algo de valor para suas vidas diárias, pelas quais eles se lembrarão de você.

Anúncios pagos de mídia social

Faça o seu orçamento de publicidade valer neste período de festas. Em vez de impulsionar uma postagem de blog orgânico para seus seguidores, use anúncios pagos para esticar os braços e atrair novos clientes em vários canais de mídia social. Anúncios pagos são sua oportunidade de:

  • Gerar leads
  • Converter novos clientes
  • Aumentar a reputação da sua marca
  • Testar novas promoções

1. SEGMENTAÇÃO

Qual é a melhor maneira de atrair novos clientes para a Black Friday? Encontre pessoas que tenham interesses semelhantes ao seu produto e faça-lhes uma oferta. Sempre que você está oferecendo um desconto ou promoção, pagar para anunciá-lo na plataforma garante que ele alcance mais do que as pessoas que já o seguem. Direcione suas postagens orgânicas para esses clientes em potencial e não hesite em ser um pouco criativo para anúncios pagos de mídia social.

‌Ao definir os parâmetros do anúncio, personalize-o para que ele flua pela sua rede de seguidores e direcione-se para pessoas que seguem contas e tópicos semelhantes. Mesmo que eles não estejam seguindo você, você já sabe que eles estão amplamente interessados ​​em seu produto. Isso os torna a escolha perfeita para um benefício quase irresistível – como um desconto de 50%.

2. REMARKETING

Consistência é a chave. Lembre-se de que a pesquisa da HubSpot descobriu que leva até 8 toques para que uma pessoa esteja pronta para comprar de você. Você já sabe que, mesmo com um cliente em potencial interessado, precisará fazer vários contatos para garantir uma venda. Prepare sua infraestrutura de remarketing bem antes da Black Friday para garantir que isso aconteça.

‌Sempre envie anúncios pagos com pixels de rastreamento incorporados. Você precisará desses pixels para descobrir quem realmente foi para o seu site e de onde. Os pixels gerarão acessos em seu painel de análise, informando que o visitante do site clicou em um link visto no Twitter, por exemplo – uma informação inestimável para profissionais de marketing.

‌Não usar pixels seria como voar às cegas. Com eles, você pode redirecionar clientes que já mostraram interesse em várias plataformas de mídia social e sites, multiplicando o número de toques que eles recebem de você até que estejam prontos para fazer a compra.

‌3. TESTE PARA DESCOBRIR QUAL PLATAFORMA DE MÍDIA SOCIAL USAR

A plataforma de mídia social onde você tem mais seguidores nem sempre é a plataforma mais eficaz para anúncios pagos. Não há razão real para gastar dinheiro com seguidores que você já atraiu. Seu tempo pode ser melhor servido engajando seus seguidores e alcançando novos por meio de métodos de marketing orgânico nessa plataforma.

‌Você precisa fazer testes para saber com certeza se seus métodos estão funcionando. É a ferramenta mais importante na caixa de ferramentas do anunciante. Para descobrir qual plataforma é a melhor para seus anúncios pagos, envie campanhas publicitárias limitadas às mais promissoras e avalie os resultados.

‌4. SEJA CLARO SOBRE O QUE VOCÊ QUER

Qual é a melhor maneira de persuadir as pessoas a fazer o que você gostaria que fizessem? Basta perguntar. Em termos concretos de marketing, isso significa que você declara claramente por escrito o que seu leitor deve fazer para encontrar mais informações e como deve fazê-lo. Sempre termine com uma frase de chamariz direta e um hiperlink que os diga para “Compre agora” ou “Ligue para nós hoje”.

‌A ideia é remover o máximo de obstáculos e desculpas que estiverem entre seu cliente e seus resultados financeiros. Olha, você pagou para colocar esse anúncio aí, não pagou? A competição da Black Friday não é amiga dos marqueteiros desleixados. Não se atrapalhe com palavras pouco claras ou deixe seus leitores inseguros sobre como eles devem proceder. Se houver algum problema, eles farão as compras de fim de ano em outro lugar.

Mova-se em direção a uma estratégia híbrida

Publicidade paga nem sempre é a resposta. Muitas empresas têm grande sucesso com a mídia social orgânica, onde a afortunada postagem “viral” que custa quase nada pode render mais lucro do que qualquer um de seus anúncios pagos. No entanto, existem alguns indicadores-chave para avisar quando é hora de usar um anúncio pago:

  • Ao anunciar algo novo, seja um desconto, produto ou qualquer outra coisa que mereça ser veiculada.
  • Uma postagem orgânica recente gerou muito engajamento? Isso é um sinal para impulsionar a postagem e obter mais atenção sobre ela.

‌As vitrines tradicionais têm vendedores e pessoas de atendimento ao cliente. Encontrar, saudar e educar um cliente é um conjunto de habilidades diferente de persuadi-lo a comprar algo. É, no entanto, um conjunto de habilidades relacionado.

‌O mesmo princípio se aplica ao seu site e às páginas de mídia social. Enquanto o marketing orgânico e a publicidade paga operam em níveis diferentes, excelentes estrategistas olhando para a Black Friday 2021 estarão trabalhando para fundi-los em uma doce harmonia.

Fator Digital

Somos uma agência de performance digital com cultura data-driven, moldada em 3 pilares: Design, Performance e Simplicidade.

Nos diferenciamos no mercado ao não fomentar o modelo tradicional de agência, que se propõe a ser apenas inquieto ou disruptivo. Nossa proposta consiste em ajudar empresas a terem sucesso no meio online através de ações eficientes de marketing digital.

Acreditamos na entrega de soluções, e não de serviços. Vendemos valor, e não tempo. Por isso pensamos as estratégias com foco em resultados que possam ser quantificados e qualificados.

Gostamos de dados, de como as coisas se conectam, mesmo quando parecem tão distantes. Aliás, acreditamos apenas em dados. O resto é achismo. E não trabalhamos com achismo na Fator.

RECEBA NOSSAS NOVIDADES EM PRIMEIRA MÃO!

Preencha seu nome e e-mail abaixo e enviaremos automaticamente as novidades do blog da Fator para você.