Fator | Performance Driven Marketing
como-se-destacar-no-google

7 estratégias para se destacar no Google

Destacar-se no Google não se trata apenas de ter um bom anúncio, mas também de aproveitar as práticas recomendadas de SEO e as ferramentas que o Google oferece, para que você possa direcionar o tráfego orgânico de longo prazo enquanto obtém cliques em seu site, páginas de serviço e postagens de blog. Quando bem feito, você pode vencer seus concorrentes no momento em que os clientes em potencial estão prontos para comprar.

Se você deseja permanecer competitivo em seu setor, precisa avaliar sua estratégia de SEO e CPC e criar um plano que garanta que você se destacará dos concorrentes de uma vez por todas. Comece avaliando esses sete elementos fundamentais de seu plano de marketing atual, cada um dos quais terá um efeito importante nas suas estratégias de visibilidade.

como-se-destacar-no-google

Como você pode se destacar de seus concorrentes no Google?

1. Crie anúncios de pesquisa matadores

Existem várias maneiras de produzir anúncios do Google incríveis que se destaquem de seus concorrentes. Faça sua pesquisa de palavras-chave, teste variações de anúncios (talvez você se concentre nas palavras-chave em um título e na criatividade ou narrativa em outro), use as extensões de anúncio, use o feedback do cliente para suas headlines e descrições no anúncio, torne seus anúncios focados localmente (caso a sua empresa seja local) e a lista segue. O Google Ads depende de testes, então se você acha que um anúncio não está com a performance esperada, chegou o momento de testar uma nova ideia!

 

2. Considere o uso da Rede de Display

Para se destacar no Google na Rede de Display, uma estratégia é segmentar palavras-chave com melhor desempenho em seus anúncios da Rede de Pesquisa, se você os estiver exibindo. Você também pode querer olhar para as peças de conteúdo orgânico de melhor desempenho para ter uma ideia do que o seu público está buscando. Além disso, verifique se seus anúncios estão sendo veiculados nos sites corretos. Você pode ter uma ideia de quais sites seriam os melhores verificando seu tráfego no Google Analytics.

Talvez o elemento mais importante a se prestar atenção seja o design criativo. Se você estiver enviando seu próprio design, certifique-se de criar diferentes tamanhos de anúncio para caber em vários canais e dispositivos. Se você estiver usando anúncios gráficos responsivos, concentre-se nos títulos. Embora seja solicitado que você forneça um título curto (25 caracteres), um título longo (90 caracteres), uma descrição (90 caracteres) e o nome da sua empresa (25 caracteres), o Google nunca exibirá os dois títulos ao mesmo tempo e às vezes exclui a descrição, portanto, certifique-se de que seus títulos curtos e longos sejam explicativos o suficiente para aparecerem sozinhos, caso o Google ache relevante para o momento.

 

3. Utilize e otimize landing pages

Revise suas páginas de destino principais para garantir que o conteúdo seja otimizado. O objetivo é aumentar o tráfego orgânico para suas páginas geradoras de receita, para que você tenha mais atenção nas páginas que realmente importam. Quanto mais olhos relevantes você conseguir em suas páginas, melhor será seu tráfego. Quanto melhor seu tráfego, mais engajamento você terá em suas páginas. Quanto mais engajamento, mais alta será sua classificação e começará a se destacar ainda mais no Google.

Para otimizar suas páginas de destino, a primeira pergunta que você deve fazer é: temos uma palavra-chave principal para esta página? Mais importante, ela está espalhada por toda a página em todos os lugares certos? Por exemplo, caso você tenha uma pizzaria, você pode destacar a palavra-chave das seguintes maneiras:

  • Em sua tag H1 (Delivery de pizzas em Porto Alegre)
  • Em pelo menos uma alt tag (delivery-de-pizzas.png)
  • Em pelo menos uma tag H2 (Nosso delivery de pizzas chega na sua casa em até 30 minutos) 
  • No URL (delivery.nomedapizzaria.com.br ou nomedapizzaria.com.br/delivery)

Com essas mudanças simples, você pode começar a classificar suas páginas de destino, permitindo que você direcione mais tráfego para as páginas mais importantes.

 

4. Utilize o Google Meu Negócio

Seu perfil da empresa do Google está repleto de informações para ajudar você a se destacar, mas o que tem mais influência são os comentários. Receba seus comentários na pesquisa com uma conta do Google Meu Negócio. Com uma conta (que é gratuita), você pode gerenciar e responder aos comentários, o que incentiva ainda mais deles. Suas respostas também podem revelar muito sobre a marca e os valores de sua empresa – e com 96% dos clientes lendo as respostas de uma empresa aos comentários, você definitivamente deve aproveitar esta oportunidade para se destacar. Se você ainda não está convencido, considere estas estatísticas da Pesquisa de Avaliação do Consumidor Local de 2020 da BrightLocal:

  • 93% dos consumidores usaram a Internet para encontrar uma empresa local no último ano.
  • 87% dos consumidores leram comentários online sobre empresas locais em 2020.

Se você ainda não reivindicou seu endereço e configurou sua conta do Google Meu Negócio, faça disso uma prioridade agora. Você pode compartilhar fotos atualizadas de sua empresa e responder a comentários e perguntas de clientes. Caso queira se aprofundar no assunto, temos um texto no blog explicando as melhores práticas nessa ferramenta gratuita!

5. Aproveite os snippets do Google

Os snippets referem-se aos vários tipos de resultados que o Google inclui nas páginas de resultados do mecanismo de pesquisa (SERPs). Embora um snippet padrão inclua uma meta descrição padrão, um bom snippet responderá à pergunta do usuário ou mostrará uma avaliação com estrelas, incentivando-o a clicar no link. Assim, bons snippets fornecem uma melhor experiência de pesquisa e aumentam o número de cliques em seu website.

Para criar bons snippets para seu site, você precisa conter informações específicas na forma de dados estruturados em seu site. Os dados estruturados são uma forma de classificar as informações em suas páginas para que o Google saiba como puxar essas informações para pesquisas específicas.

O Google também possui o snippet em destaque, também conhecido como “posição zero”. O snippet em destaque é uma caixa que aparece organicamente para destacar a melhor resposta para os usuários. Você já deve ter feito alguma pergunta no Google e o primeiro resultado foi um pedaço de um artigo relevante para o assunto. Esse é o resultado “posição zero”. Algumas dicas para a criação de conteúdo amigável para trechos de recursos incluem:

  • Direcione consultas específicas (“como me preparar para uma entrevista de emprego”, por exemplo);
  • Torne as respostas explícitas em seu conteúdo – use listas com marcadores ou numeradas.

Consulte as seções “Pesquisas relacionadas” e “As pessoas também perguntam” e segmente essas palavras-chave no mesmo artigo. Isso ajudará a fortalecer seus sinais para o Google de que você tem as melhores informações para essa busca.

Identifique o que você deseja obter com seus esforços de SEO e construa seu conteúdo em torno desses objetivos.

 

6. Foque em links de alta qualidade

Dos 209 fatores de classificação do Google, seu perfil de backlink é responsável por 47 desses fatores. Isso significa que você não pode ignorar o link building ao desenvolver um plano de marketing forte que permite que você se destaque dos concorrentes no Google. Aqui estão algumas táticas comprovadas de link building para impulsionar seu SEO:

  • Publique conteúdo de qualidade: quanto melhor for o seu conteúdo, maior será a probabilidade de as pessoas criarem um link para ele.
  • Postagem de convidado: compartilhe suas ideias sobre blogs e sites relevantes.
  • Faça sua pesquisa competitiva: avalie os links de seus concorrentes para ver como você pode ter uma classificação superior a eles.
  • Crie estudos de caso: eles são preenchidos com dados que podem ser vinculados.

Combine tudo isso em seu plano de marketing para construir um perfil de backlink forte que lhe permita competir no Google.

7. Crie conteúdo de blog otimizado para SEO

Para impulsionar sua classificação, você precisa se concentrar em mais do que apenas páginas de destino. O conteúdo do blog permite que você segmente mais palavras-chave, direcionando mais clientes em potencial para o seu site, ao mesmo tempo que fornece valor antecipado.

Com que frequência você deve publicar para ver os melhores resultados? Como tudo no marketing digital, a resposta é: depende. Alguns segmentos precisam de postagens mais “reativas”, então não possuem uma métrica definida. Em outros, você irá começar a se repetir muito se postar frequentemente. Em média, o recomendado é fazer entre 2 e 8 posts de blog mensais.

Não se esqueça de otimizar esse conteúdo colocando palavras-chave em todos os lugares certos, usando práticas recomendadas de links internos e externos e direcionando backlinks para esse conteúdo com postagem de convidado. Pense também em uma regularidade: se as pessoas sabem que toda terça e quinta, às 10h, você terá um novo conteúdo no blog da Fator, a probabilidade de isso entrar na rotina do usuário é maior.

 

Conclusão

Compita com seus concorrentes onde mais importa: no Google. Use essas estratégias e táticas para classificar suas páginas de destino importantes, construir um perfil de backlink mais forte, colocar seus comentários na frente e no centro e muito mais. Quanto melhor você se classifica no Google, mais fácil é se destacar e ganhar negócios de seus concorrentes de uma vez por todas.

Fator Digital

Somos uma agência de performance digital com cultura data-driven, moldada em 3 pilares: Design, Performance e Simplicidade.

Nos diferenciamos no mercado ao não fomentar o modelo tradicional de agência, que se propõe a ser apenas inquieto ou disruptivo. Nossa proposta consiste em ajudar empresas a terem sucesso no meio online através de ações eficientes de marketing digital.

Acreditamos na entrega de soluções, e não de serviços. Vendemos valor, e não tempo. Por isso pensamos as estratégias com foco em resultados que possam ser quantificados e qualificados.

Gostamos de dados, de como as coisas se conectam, mesmo quando parecem tão distantes. Aliás, acreditamos apenas em dados. O resto é achismo. E não trabalhamos com achismo na Fator.

RECEBA NOSSAS NOVIDADES EM PRIMEIRA MÃO!

Preencha seu nome e e-mail abaixo e enviaremos automaticamente as novidades do blog da Fator para você.