Fator | Performance Driven Marketing

Anúncios de Gmail: como fazer através do Google Ads?

O que torna os anúncios de Gmail tão interessantes? Bem, eles oferecem uma maneira pronta de anunciar em um lugar que o seu cliente com certeza vai olhar: na caixa de entrada do seu e-mail. Falamos anteriormente de outro local interessante para anunciar, o Youtube.

De acordo com a HubSpot, 99% dos consumidores checam seus e-mails diariamente. Além disso, mais de 50% checam suas contas pessoais de e-mail mais de 10 vezes por dia.

O e-mail marketing convencional é ótimo, mas possui um pequeno probleminha: você precisa ter a lista com os e-mails das pessoas antes de poder impactá-las. Os anúncios do Gmail, por outro lado, oferecem uma maneira fácil de fazer marketing por e-mail sem uma lista de assinantes.

Mas os anúncios de Gmail são adequados para a sua empresa? Vamos dar uma olhada.

O que são anúncios de Gmail?

Os anúncios de Gmail são uma opção de publicidade paga disponível no Google Ads. 

Onde eles aparecem? Nas caixas de entrada do seu público-alvo.

Provavelmente, se você utiliza o Gmail, você já os viu antes. Eles aparecem na parte superior da sua caixa de entrada e têm a seguinte aparência:

Se você clicar em um anúncio patrocinado do Gmail, um “e-mail” será aberto com o conteúdo e a mensagem do anunciante.

 

Quais ofertas são mais comuns nos anúncios de Gmail?

Agora, tudo isso parece ótimo, mas você precisa entender o potencial da ferramenta para a sua empresa. Já vimos campanhas de Gmail que obtiveram ótimos resultados, e algumas que foram um total desperdício de dinheiro.

O truque para criar anúncios de Gmail eficazes é entender seu público, em que estágio do funil eles estão e o que procuram. Acerte isso e você terá uma boa chance de fazer com que as pessoas abram seus anúncios e entrem em sua página de destino.

De modo geral, quando as pessoas recebem seus anúncios do Gmail, elas estão no topo do seu funil. Essa informação não vale somente para Gmail, a maioria dos públicos que você criar em campanhas de display serão com públicos “frios”, que não conhecem ou não estão prestes a comprar de sua empresa.

Basicamente, como as Promoções patrocinadas do Gmail geralmente são usadas para atingir públicos “frios”, elas funcionam melhor se você tiver uma oferta de alto valor para promover: conteúdo gratuito, grandes descontos, ofertas por tempo limitado, etc. Se você não puder fazer uma oferta como essa, as pessoas provavelmente não estarão muito interessadas em clicar no seu anúncio.

A outra maneira eficaz de usar os anúncios patrocinados do Gmail é com o remarketing. Os anúncios de Gmail operam dentro da Rede de Display, então você pode criar campanhas de anúncios do Gmail que têm como alvo as pessoas que já visitaram seu site, mas ainda não converteram.

Nesse caso, você deseja criar anúncios baseados nas mensagens que as pessoas já viram. Dessa forma, eles provavelmente vão abrir seus anúncios, voltarão ao seu site e, enfim, realizarão a conversão.

No geral, o Gmail funciona melhor quando você o trata como uma combinação de anúncios de display e e-mail marketing. Seu conteúdo precisa ser parecido com algo que eles receberiam em sua caixa de entrada, ao mesmo tempo em que constrói familiaridade com a marca e incentiva as pessoas a realizarem conversões em seu site.

 

Faça os preparativos

Depois de decidir o que fazer com seus anúncios do Gmail, você precisa descobrir como exibir seus anúncios para o público certo. Existem três opções principais para anúncios do Gmail quando se trata de segmentação por público-alvo:

Segmentação por palavra-chave, que mostrará seus anúncios para usuários que pesquisaram ou manifestaram interesse em determinadas frases de pesquisa

Segmentação por público, que permite fazer o remarketing para grupos específicos de usuários (incluindo aqueles que de alguma forma interagiram com sua empresa de uma maneira específica)

Segmentação demográfica, que permite segmentar com base na localização, idade, sexo, renda familiar e se você é pai ou não.

Seja estratégico nas suas escolhas de público-alvo:

Segmentação por palavra-chave

A segmentação por palavras-chave combinada com a segmentação demográfica é o caminho a percorrer se você deseja se conectar com públicos-alvo que não estão familiarizados com você. Ele permite que você apareça em canais alternativos para pessoas que procuram ativamente o que você está tentando vender.

Isso pode soar como um jogo de adivinhação. Mas, se você já tiver campanhas de rede de pesquisa, poderá descobrir facilmente quais palavras e frases as pessoas usam quando estão interessadas em seu produto ou serviço.

Se você for como a maioria das empresas, provavelmente terá um ou mais grupos de termos de pesquisa semelhantes e de alta qualidade que poderá usar para criar suas listas de palavras-chave.

Se você não tiver certeza de quais termos de marca os clientes estão procurando, pesquise um pouco as palavras-chave dos nomes de seus concorrentes e veja o que pode encontrar.

Segmentação de público

O remarketing provavelmente será sua melhor chance de conversões diretas, porque os usuários estarão familiarizados com sua marca e terão maior probabilidade de comprar. Ele permite que você mostre ofertas competitivas, especialmente aquelas com descontos ou ofertas como frete grátis, para um público que já está interessado na sua empresa.

Se você optar por seguir esse caminho, certifique-se de que seu título explique rapidamente por que os usuários devem abrir. Ao contrário dos anúncios gráficos convencionais, você só tem 20 caracteres para dizer a alguém por que ela deve se importar, em vez de uma imagem ou vídeo em tamanho real. Depois de clicarem, ótimo, você terá a sua oportunidade. Mas o título precisa fazer com que abram o e-mail primeiro. Mantenha seu título relevante e demonstre valor imediatamente.

Segmentação Demográfica

Embora pareça simples, muitos anunciantes ignoram o poder dos dados demográficos na publicidade gráfica.

Por exemplo, se seu mercado-alvo são mulheres com menos de 25 anos e seus anúncios são exibidos principalmente para homens com mais de 65 anos de idade, talvez seja necessário ajustar algo. Você possui todos estes dados ao seu alcance dentro do próprio Google Ads, então não tenha medo de aproveitar!

 

Escolha o seu título

Um anúncio de Gmail tem duas partes: 1) seu anúncio recolhido (o que o seu cliente verá na caixa de entrada) e 2) o anúncio expandido (o “e-mail” que ele verá quando clicar no seu anúncio recolhido).

Se você não conseguir que os usuários cliquem em seu anúncio recolhido, eles nunca verão seu contato expandido, visitarão seu site ou realizarão uma conversão. Ter um título forte deixará o seu público mais curioso e, assim, mais propenso a clicar no anúncio.

Você precisa ter certeza de que a linha de “assunto” é uma frase simples e fácil de ler e compreender rapidamente. Ela precisa transmitir a mensagem no desktop e no celular, e você quer que seja atraente.

De acordo com as regras do Google, você tem poucos caracteres no anúncio recolhido, então você precisa utilizá-los da melhor maneira:

Nome da empresa: 20 caracteres ou menos.

Título: 25 caracteres ou menos.

Descrição: 90 caracteres ou menos.

URL de visualização: 255 caracteres ou menos.

Além dessas regras, aqui estão algumas coisas que você pode tentar para aumentar as taxas de abertura em seus anúncios recolhidos:

  • Crie um senso de urgência com frases como “terminando em breve!”
  • Incorpore emojis para ajudar seu e-mail a se destacar, mas teste isso com cuidado e com moderação.
  • Explique por que o e-mail é relevante para os usuários (ou seja, “Não perca esta venda instantânea de 24 horas.”)
  • Utilize avaliações e histórico, algo como “Veja o hidratante que se esgotou em 12 horas”.

Não há ciência para o texto do anúncio recolhido, mas com um pouco de escrita inteligente e alguns testes você deve ser capaz de identificar alguns tipos de títulos que funcionam bem para seus anúncios do Gmail.

 

Pense no conteúdo

Assim que as pessoas clicarem em seu anúncio recolhido, elas verão seu “e-mail” ou anúncio expandido. É aqui que você deve cumprir as promessas feitas em seu anúncio recolhido e fazer com que a conversão aconteça.

Felizmente, o Google facilita a montagem de seu anúncio expandido. Você só precisa adicionar recursos, como imagens, textos e títulos, e o Google fará a composição.

Copy 

Na maioria das vezes, as pessoas ficarão um pouco curiosas, na melhor das hipóteses, quando clicarem em seus anúncios recolhidos, então seu anúncio expandido precisa ir direto ao ponto.

Concentre-se na sua oferta e no valor que ela tem desde o início. As pessoas devem ser capazes de verificar seu “e-mail” em alguns segundos e determinar se estão ou não interessadas.

O copy deve ser simples, claro e fácil de entender. Nem todos ficarão interessados, mas quem receber seu e-mail não terá problemas para descobrir a proposta de valor.

Chamada para Ação (CTA) 

No e-mail marketing os botões de CTA levam a um aumento direto de cliques em relação ao texto com hiperlink tradicional. Como os anúncios de Gmail são uma espécie de híbrido entre anúncios de display e e-mail marketing, os CTAs também são uma parte importante da sua estratégia.

A maioria das pessoas não se importará o suficiente para procurar seu CTA, mesmo se estiverem interessadas em clicar. Portanto, torne mais fácil para elas descobrirem o que devem fazer a seguir.

Criativo

Sejam imagens ou vídeos, o resto do conteúdo no anúncio expandido precisa fazer apenas uma coisa: apoiar sua frase de CTA. Claro, adicionar imagens ou vídeos ao seu “e-mail” pode torná-lo bonito, mas qualquer conteúdo que distraia as pessoas de clicar em seu CTA estará prejudicando sua taxa de cliques.

Imagens e vídeos devem contribuir para seu anúncio expandido, ajudando as pessoas a entender melhor sua oferta. Imagens genéricas, que não agregam valor, ou vídeos genéricos, que não são relevantes para sua mensagem geral, farão mais mal do que bem.

Dito isso, as imagens ou o conteúdo de vídeo corretos podem ter um grande impacto em suas taxas de cliques. Portanto, você deve incluir conteúdo criativo em seus anúncios. Apenas certifique-se de escolher o conteúdo certo para seus anúncios, e não apenas adicionar conteúdo apenas porque sim.

 

Conclusão

Os anúncios de Gmail são uma maneira interessante de atingir as pessoas em um de seus locais favoritos na internet: sua caixa de entrada de e-mail. Eles não são perfeitos para todos os negócios, mas se você leu este artigo e acha que eles são adequados para você, experimente! Temos vários exemplos de ótimos resultados em campanhas de Gmail.

Caso você precise de ajuda com os anúncios de Gmail ou qualquer outra no Google Ads, entre em contato conosco. Estamos sempre dispostos a ajudar.

Fator Digital

Somos uma agência de performance digital com cultura data-driven, moldada em 3 pilares: Design, Performance e Simplicidade.

Nos diferenciamos no mercado ao não fomentar o modelo tradicional de agência, que se propõe a ser apenas inquieto ou disruptivo. Nossa proposta consiste em ajudar empresas a terem sucesso no meio online através de ações eficientes de marketing digital.

Acreditamos na entrega de soluções, e não de serviços. Vendemos valor, e não tempo. Por isso pensamos as estratégias com foco em resultados que possam ser quantificados e qualificados.

Gostamos de dados, de como as coisas se conectam, mesmo quando parecem tão distantes. Aliás, acreditamos apenas em dados. O resto é achismo. E não trabalhamos com achismo na Fator.

RECEBA NOSSAS NOVIDADES EM PRIMEIRA MÃO!

Preencha seu nome e e-mail abaixo e enviaremos automaticamente as novidades do blog da Fator para você.