Fator | Performance Driven Marketing

4 Motivos que Negócios Locais Falham no uso do Google AdWords

Porto Alegre é uma cidade que possui 81 bairros “oficiais” segundo a Wikipedia. Com um trânsito que começa a parecer com o de São Paulo e grandes capitais, a cidade gaúcha já imita um outro comportamento típico de grandes cidades: a busca dos consumidores por negócios locais, próximos de casa ou trabalho.

Se você já pesquisou ou conversou bastante sobre marketing digital, já deve ter ouvido de donos de pequenos negócios locais que o Google AdWords é caro, complicado e não é nada eficiente para obter novos clientes. Ótimo, não? Isso significa que você terá menos concorrência ao anunciar!

Os Links Patrocinados (ou simplesmente AdWords) muitas vezes possuem uma má fama com cliques caros para MUITOS usuários e uma interface complexa para quase todos. Porém, quando os anunciantes encaram péssimos resultados a culpa é exclusivamente deles (ou de quem eles contrataram para gerenciar as campanhas).

Existem muitos motivos que acabam resultando em péssimos resultados e dinheiro colocado fora no Google AdWords. Abaixo listamos alguns deles

1 – Não ter uma landing page (ou ter uma péssima landing page!)

A primeira página que o usuário é direcionado ao clicar no seu anúncio é o que chamamos de “landing page“. Ela é um dos itens mais importantes de uma campanha de AdWords, e uma boa página pode dobrar, até triplicar o volume de leads que vem pelos links patrocinados do Google.

É comum clicar em anúncios que direcionam o visitante para a capa do site da empresa, onde ele terá que procurar, entre todos os serviços apresentados, aquele que ele tinha interesse em um primeiro momento. Ao fazer isso, você está praticamente desperdiçando esse acesso que – advinhe – teve um custo para você!

Não ter uma landing page exclusiva para os anúncios é uma falha primordial. Com base em históricos recentes, podemos considerar que sites tradicionais (com alguns formulários de contato, claro), convertem com números de cerca de 3% a 5%, nos melhores cenários. Por outro lado, uma landing page bem planejada e desenhada pode facilmente ter números de conversão de 10% a 20%.

 

2 – Anúncios ruins com taxas de cliques baixas

Convenhamos: A maior parte dos anúncios no Google AdWords é igual. Porém, assim como landing pages, um anúncio com maior taxa de cliques pode dobrar seus leads facilmente. E o melhor: o google “premia” os anunciantes que tem melhores anúncios (mais relevantes) reduzindo seu custo por clique e mantendo-o no topo no ranking de anunciantes!

Isso ocorre porque o Google AdWords utiliza um algoritmo chamado Quality Score, que ajuda a determinar quanto você pagará por cada clique. Ou seja, pagar mais não lhe garantirá ter o topo dos resultados do buscador nos Links Patrocinados. Se você tiver um bom Quality Score (e a taxa de cliques é um dos fatores mais relevantes), você poderá ranquear acima dos concorrentes, pagando menos do que eles!

3 – Não Medir Conversões

A maior parte das campanhas que assumimos aqui na Fator Digital, de clientes que já anunciam no AdWords, tem uma característica em comum: não possuem métrica de conversão. Isso significa que os anunciantes apenas mediam o volume de clique que recebiam, ignorando completamente quantos “contatos” isso resultava.

Ao ignorar a métrica de conversão (a mais importante em uma campanha), você não apenas não otimizará a estratégia para os termos mais relevantes, como sequer saberá quais palavras-chave geram cliques inúteis e quais geram os melhores negócios para sua empresa!

4 – Não usar Extensões de Anúncios

Um anúncio do Google AdWords não se limita a um título e duas linhas de conteúdo. As Extensões de Anúncios permitem adicionar um botão para ligar (click-to-call), endereços, links adicionais, até mesmo opiniões de clientes anteriores!

Todos esses recursos não apenas aumentam a interação dos visitantes com seu anúncio, mas também fazem com que ele se destaque mais da concorrência, em alguns casos triplicando a área visual que ele utiliza na página de resultados do Google.

 

O Google AdWords pode não funcionar para TODOS os negócios de forma excepcional, porém ele é muito eficiente para a maior parte das empresas que buscam novos clientes. Entretanto, é necessário planejar as campanhas com cuidado e monitorar os resultados com frequência através de métricas inteligentes.
Se você não está obtendo os resultados necessários, talvez seja hora de conversar com uma agência certificada pelo Google. Aqui na Fator Digital nós temos a certificação oficial do Google desde 2010. Você pode conhecer um pouco mais do nosso trabalho clicando aqui. Podemos ainda gerar um diagnóstico de posicionamento para sua empresa, comparando com seus principais concorrentes.

Fator Digital

Somos uma agência de performance digital com cultura data-driven, moldada em 3 pilares: Design, Performance e Simplicidade.

Nos diferenciamos no mercado ao não fomentar o modelo tradicional de agência, que se propõe a ser apenas inquieto ou disruptivo. Nossa proposta consiste em ajudar empresas a terem sucesso no meio online através de ações eficientes de marketing digital.

Acreditamos na entrega de soluções, e não de serviços. Vendemos valor, e não tempo. Por isso pensamos as estratégias com foco em resultados que possam ser quantificados e qualificados.

Gostamos de dados, de como as coisas se conectam, mesmo quando parecem tão distantes. Aliás, acreditamos apenas em dados. O resto é achismo. E não trabalhamos com achismo na Fator.

RECEBA NOSSAS NOVIDADES EM PRIMEIRA MÃO!

Preencha seu nome e e-mail abaixo e enviaremos automaticamente as novidades do blog da Fator para você.